• Cuiabá, 25 de Abril - 00:00:00

INDÍCIOS DE RUPTURA?!


Evento realizado nesta quinta-feira (15) em Várzea Grande, que contou com a participação do ministro da Educação, Mendonça Filho, reuniu muitos políticos no palanque reforçado por líderes do DEM, mas chamou a atenção a "ausência" do governador Pedro Taques (PSDB), sendo representado pelo vice-governador Carlos Fávaro (PSD). 

Tradicionalmente, desde que assumiu o comando do Estado em 2015, Taques costumava integrar atos em VG, sob a prefeita Lucimar Campos, e nas ações pontuadas pelo líder Democrata, Jaime Campos. 

O cenário de hoje gerou comentários nos bastidores, sobre eventual afastamento do governador do grupo do DEM, que tem novo quadro e planeja disputar o comando do Palácio Paiaguás, apostando em nomes como o ex-prefeito Mauro Mendes ou ainda Jaime Campos.  

Aguns reclamaram a ausência porque queriam parabenizar Taques pelo aniversário, e outros pontuavam viagem e comemoração em Sampa. 




0 Comentários



    Ainda não há comentários.